Categorias: Li, assisti & joguei

Para assistir: A Guerra Invisível, 2011

Não costumo falar sobre filmes e cinema, aqui no blog, mas resolvi abrir uma exceção depois de assistir “The Invisible War” (A Guerra Invisível – 2011). Se você ainda não assistiu, vale muito a pena dedicar 1h30 do seu tempo à esse documentário.

invisible-war-1

O filme relata a onda de estupros que acontecem dentro do exército americano. Fiquei tão abismada com os depoimentos que não poderia deixar de recomendá-lo. O documentário foi um dos indicados ao Oscar 2013 e mostra uma realidade assustadora e extremamente triste. São diversos depoimentos chocantes, contados de maneira crua, de mulheres que foram abusadas por colegas, “amigos” e “superiores”. Ao tentar denunciar a atrocidade, encontram uma parede de impunidade, humilhação e ainda mais abuso. Muitas foram estupradas mais de uma vez. Todas tiveram suas vidas abaladas e carreiras destruídas, sequelas emocionais graves e, algumas, até consequências físicas.

É triste saber o quão as mulheres são vulneráveis dentro de uma instituição, historicamente, masculina. É triste ver como elas ficam de “mãos atadas” com um sistema jurídico falho, onde muitas vezes é o próprio estuprador quem será responsável pela investigação do processo. É triste ver o abuso de poder, em todos os sentidos. É triste ver que a impunidade está presente até em países “desenvolvidos”, como os EUA (segundo dados mostrados no vídeo, menos de 5% dos casos vão a julgamento). É revoltante saber que depois de todo esse abuso, a “culpa é da mulher”.

O documentário deixa uma sensação de tristeza, raiva e revolta.

Apesar do documentário nos deixar deprimidos, acho válido assistir conteúdos como esse para alertar a nós, mulheres, o quanto esse tipo de violência e injustiça está presente na sociedade, inclusive, mais próximos do que a gente imagina. Num momento onde as questões feministas estão em voga, devemos aproveitar para repensar alguns conceitos e visões impostos por uma cultura machista. Não devemos permitir que essa guerra continue invisível.

Abaixo, deixo algumas imagens e trailer:

invisible-war-2
invisible-war-4
invisible-war-6
invisible-war-5
invisible-war-7

Alguém já assistiu? Quero saber sua opinião! Vamos conversar nos comentários!

4 comentários

Let's talk!

  1. Já ouvi falar muito desse documentário, mas enquanto o meu inglês ainda não é bom o suficiente to a espera de alguém que o legende ! É realmente muito triste saber pelo o que essas mulheres estão passando.

    1. Oi Fernanda! Eu pego as legendas lá no Open Subtitles, dê uma olhada lá! :) Beijos!

  2. Certa vez, eu li uma matéria na Folha sobre este documentário. Sabe o que mais me chocou? Um comentário dizendo “a mulher quer se equiparar ao homem”… oi? O idiota tentou justificar os estupros com este comentário. Demais pra minha cabeça. Cara, sério mesmo?

    1. É triste ouvir isso, como se estupro tivesse motivo para acontecer…. :( Nada justifica um crime desses! Muito menos, dizer que a culpa é da mulher, seja por roupa, por estar no meio de homens ou por ter “bebido demais”… triste demais!