Categorias: Cotidiano . Pessoalidades

Pequenas doses do meu cotidiano, as 6 melhores fotos do mês, com o que teve de mais bonito, mais legal e mais amor. Faz o favorzinho de me adicionar lá no Instagram (@adriellysato) para acompanhar todas as fotos! :)

Agosto teve tantas fotos bonitas que foi difícil escolher apenas 6:

cotidiano-agosto-2015

01. O bom de estar cercada por cachorros é poder usar chinelo com meia, sem medo de ser julgada. :D

02. Chega uma certa idade que o inevitável acontece: estou me tornando essas pessoas que acordam cedo, tomam café da manhã, fazem atividade física, tudo bem cedinho, tudo bem tranquilinho. Estou mudando minha rotina aos poucos, mas é impressionante como aproveitar a manhã me faz tão bem!

03. Quando minha cadeira completou exatamente 4 anos, deu início a uma série de “bugadas”. Primeiro foi o estofado, aquele tipo de “couro” fajutinho que secou, rachou e ficava beliscando minha perna. Depois foi um pedaço do rodízio que saiu rolando para nunca mais voltar. No terceiro rodízio, eu desisti da cadeira e fui comprar uma nova. Ela veio assim desmontadinha enquanto eu me sentia nostálgica, relembrando a época do Kinder Ovo, montando brinquedinho novo. Só que esse era nível hard e me fez gastar toda a cota de testosterona que eu não tinha.

04. Além da cadeira, comprei também um conjuntinho de lençol e fronha (com essa estampa maravilhosa de cruzes). Quando cheguei em casa, “lembrei” que eu tinha uma colcha, que ela era verde e tinha uma estampa florida, aquela estampa ali dos travesseiros de trás. Achei que tinha feito besteira, que nada ia ornar e eu ia ter que conviver com uma combinação de estampas esquisita. Qual não foi a minha surpresa ao me deparar com esse mix incrível de cores e texturas! A verdade é que agora nem quero mais saber das outras fronhas que tenho aqui, eu lavo e coloco de novo, porque o nome disso é amor.

05. Essa pode ser considerada a minha foto preferida do mês. Tão simples, tão singela. Me dá um conforto tão grande!

06. Você já sabe né, o Paçoca não é um cachorro sociável, ele é super desconfiado com pessoas estranhas e não sabe se comportar perto de outros cachorros. Por isso, cada vez que eu saio com ele, fico com o coração acelerado, morro de medo de encontrar cachorros soltos na rua, o Paçoca tretar e terminar em tiro, porrada e bomba. Mas tudo é diferente quando o boy magia vai junto, quando eu posso sossegar a alma e aproveitar o passeio com leveza. O nome disso também é amor.

follow-me-instagram

  • xCake
Categorias: Blogagem Coletiva . Lovely Links

Coisa que eu mais gosto nessa blogosfera é encontrar pessoas criativas, inspiradoras, caprichosas, daquele tipo que você reconhece de longe, que não ficam naquele mais do mesmo, sabe? Confesso que anda um pouco difícil encontrar blogs (especialmente, blogs brasileiros) que se encaixem nesses quesitos aí, mas quando eu encontro, é amor na certa viu!

blog-day-2015

A parede indecisa

Eita, menina caprichosa! A Gabriela faz os DIY mais lindos, limpinhos e organizados! Todos os projetos que ela publica por lá são incríveis, mas se fosse para escolher meu preferido, seria esse-vasinho-aqui-coisa-mais-linda-de-deus!

Liraby

Sabe aquele blog que te deixa encantada? Às vezes, até acho que a Lívia e o Rafael moram num universo paralelo, num lugar onde as cores, o amor e as flores são mais intensos e vívidos que no nosso mundinho aqui! haha Recentemente, eles fizeram uma viagem para Paris que é para deixar qualquer um morrendo de vontade de entrar nas fotos que eles estão compartilhando no blog. <3

Melhor não falar nada

Um blog pessoal que dá vontade de entrar, puxar uma cadeira, tomar um café e virar amigona da Bessie. Ela compartilha seus gostos e interesses de uma forma muito leve e próxima, sem falar no capricho e dedicação que ela põe ali. Gosto muito das suas dicas de filmes e séries e dicas de lugarzinhos legais aqui em Curitiba.

Popf.uk

Conheci o blog da Mariana pela Re Vitrola e foi identificação na hora! Gente, que menina engraçada, morro de rir lendo os posts e causos que ela conta, esse aqui, em especial, eu gargalhei! hahah

Blog do Math

Entrar no Blog do Math é entrar num universo cheio de flamingos, xícaras floridas e moldurinhas vintage, tudo em tons pastel. Uma casa de vó misturada com a descontração em sua forma de falar e escrever. Lá tem ótimas dicas de decoração, mas minha categoria favorita é a de viagens. Achei incrível como ele conseguiu deixar Curitiba tão “vintage” e bonita! haha

Se tá achando pouco blog, vem cá!
01. Tem um montão de links que indiquei no Blog Day 2014
02. Tem mais uma sacola de blogs aqui nesse post lindão
03. Ah! Você já viu o blogroll aqui do Pequenina Vanilla?

Obrigadinha aos queridos que indicaram o Pequenina Vanilla hoje: MonsterBox / Celle Coelho / Desancorando / Azul Banana / Quase Mineira / Todas as ‘ices’ / Amor Piada Pronta / Saphy / Gema de Ovo / Avec Gigi / Descolada Vida / Hey, It’s Mi! / Think Colorful / Nunca Vesti 36 / Movida por Ideias / Avesso da Coisa

  • xCake
Categorias: Mulherzices

Nota para a posteridade: nunca mais comprar sapatos pela internet.

Apaixonei por uma alpargata da Dakota que eu tinha visto numa foto de Instagram alheio. Tratei logo de fuçar a internet pra ver se ela ainda estava à venda. Achei por R$140, a mão já quis logo ir pegando o cartão de crédito. Ainda não satisfeita, pensei: “vou dar mais uma olhadinha aqui, ver quais outros modelos de alpargatas que tem”, tudo assim bem inocente, bem de boa. Achei outro modelo, da Vizzano, branquinho, com renda, do jeitinho que eu queria, por R$100.

De um lado, o bom senso me dizia: “olha aí a besteira, você vai inventar de comprar esse tipo de sapato, olha o risco de não dar certo no seu pé, vai comprar assim sem provar, sem conferir ao vivo?”. E do outro lado, o consumismo me dizia: “mas são tão bonitas, ai claro que vai dar certo no seu pé, confia!”.

Comprei as duas, porque sim né!

alpargatas-compras

Chegou em menos de 4 dias, mas a felicidade durou menos de 2 minutos. A alpargata da Dakota ficou grande, GRAN-DEEE, GI-GAN-TE. Sabe quando a gente é criança e usa um sapato da mãe? Estou me sentindo assim! :O E a da Vizzano ficou, ironicamente, apertada, A-PER-TA-DA! Quero morrê! :SSSS

Agora estou aqui sem sapatos e falida, palmas para mim!

britney-applause

Me ajuda, Luciano!

Como algumas coisas foram recorrentes nos comentários, achei melhor fazer uma atualização aqui no post para facilitar! :)

Logo quando recebi os produtos, fui correndo no site procurar como realizar a troca. Só que, apesar da loja ficar esfregando na tua cara que a “primeira troca é grátis”, não havia nenhum link explicando qual era o procedimento para solicitar isso e nenhuma informação de contato. :S Já logo concluí que seria mais uma dessas injustiças que os consumidores passam, que me daria tanto trabalho fazer essa troca que o jeito mais fácil era me livrar desses sapatos por outros meios. Por isso, depois de me afundar aqui em desgraça, escrevi esse post para registrar esse fato e me lembrar de nunca mais cometer uma jacuzice dessas.

Como muita gente ficou me incentivando a exigir a troca, escaneei novamente o site todinho com uma lupa e, finalmente, consegui encontrar as informações de contato num link minúsculo e quase invísível num cantinho da tela. O número era de São Paulo (tive que fazer interurbano) mas a ligação não foi muito demorada e parece que a troca vai ser bem “tranquila”. Oremos!

De qualquer forma, toda essa mobilização e tempo de espera (espera para os produtos voltarem pra loja, espera para eu receber meu cupom de troca, espera para receber os novos produtos) continuam me fazendo acreditar que não vale a pena comprar sapatos pela internet… Portanto, lição aprendida com sucesso!

Outra coisa, a loja até tinha uma tabela de medidas, mas as informações eram as mesmas para os dois sapatos, ou seja, de que adianta uma tabela assim que não serve pra nada? :/

  • xCake
Categorias: Nhaaam

O que você faz quando a correria está grande e você está com preguiça de cozinhar? Isso mesmo, faz essa receitinha molezinha e super deliciosa! hahah :)

receita-gratinado-couve-flor-1
receita-gratinado-couve-flor-2

Essa receita também serve para quando você quer camuflar o gosto da couve-flor e deixá-la mais gordela apetitosa ou pra quando você quer impressionar uma visita de última hora! O gratinado fica com uma aparência ótima, fica bem saboroso por conta de todo esse queijo e aquela impressão de que deu um pouco mais de trabalho do que realmente dá! Ou seja, bem do jeitinho que euzinha aqui adoro né! haha

Olha só como é super simples!

receita-gratinado-couve-flor-3
receita-gratinado-couve-flor-4

Cozinhe uma couve-flor média (com os galhinhos já separados) e tempere com sal. Pré-aqueça o forno a 250°C. Numa vasilha separada, misture uma caixinha de creme de leite com 50g de queijo parmesão ralado. Unte um refratário de vidro com margarina e farinha de trigo. Coloque os galhinhos de couve-flor no fundo do refratário e despeje o creme por cima. Finalize com 2 fatias de mussarela (fui picando com as mãos mesmo e espalhando). Leve ao forno por uns 30 minutos ou até dourar.

receita-gratinado-couve-flor-5

Viu que fácil? Quem vai fazer também? Me conta! <3

  • xCake
Categorias: Mulherzices . Obsessão

Passei meses namorando as alpargatas nas vitrines, mas sempre deixava pra lá! Eu não botava fé que esse sapato fosse assim muito confortável, sabe? Já estava calejada (literalmente) e decepcionada com a quantidade de sapatos que eu já comprei na vida e que machucaram meu pé, antes de passar pelo portão de casa. Até que no finalzinho do ano passado, naquela muvuca consumista do Natal, resolvi dar uma chance! Eram tantas estampas bonitinhas, que foi difícil fechar os olhos! E olha, foi amor à primeira pisadinha! <3 Desde então, já perdi as contas de quantas vezes usei, sem dúvida, uma das melhores aquisições dos últimos tempos! A que eu comprei é da marca Perky, a versão brasileira da famosa TOMS, e é suuuuper bonita e bem feita (olha ela aqui!).

Acontece que hoje resolvi dar uma espiada no site da Perky e quando eu percebi, já estava babando por esses modelos em crochet e renda da TOMS. Tenho a impressão de que isso não é lá uma grande novidade, nem a última tendência nos ~blogs de moda~, mas eu Q-U-E-R-O mesmo assim! hahah

alpargatas-renda-crochet-1

Na montagem aqui em cima, separei os modelos que eu mais amei! Alguns eu peguei do próprio site da TOMS, como esse de rendinha azul clara ou esse aqui de crochet (na montagem, coloquei o azul e o branco, mas no site só tem pra vender em bege e preto). O último da TOMS já não tem mais pra vender e eu estou aqui chorando encolhididinha. hahah O branquinho lá de cima é da Tory Burch e eu não sei onde, quanto custa e como comprar essa lindeza (mas tudo bem, né? aposto que não é pro meu bolso! haha).

Já estou imaginando mil combinações de roupas com essas alpargatas. Shortinhos e vestidos confortáveis devem combinar certinho, ainda mais se o sapato for nessas cores clarinhas, tipo branco, bege, off-white. O crochet e a renda deixam o sapato (que tem essa aparência mais “largadinha”) bem mais delicado e charmoso, além de ser perfeito pro verão! Aliás, falando nisso, acho que tenho problemas em ficar desejando as coisas na estação errada né? Mas pelo menos, tenho tempo suficiente para conseguir encontrar e comprar um até lá! :P

Alguém mais se apaixonou também por esses sapatos ou foi só eu mesmo? hahah Quero saber o que você achou e se conhece alguma outra marca semelhante! Vem cá! ;)